Ok Go: direito a dueto com plateia, b-side, guitarras peludas e laser

Foto: Luis Coutinho

Sabe aqueles dias que você tem certeza que vai voltar pra casa, no fim do dia, colocar um pijama e dormir? Sexta (17) era um dia assim. Mas, depois de uma sucessão de surpresas, lá estava eu no Estúdio Emme pra ver o show do Ok Go. A banda sempre esteve na minha lista de espera de “bandas legais que eu posso gostar muito um dia”. Então, ao saber que eu iria ver o show, a primeira pergunta que veio na minha cabeça foi “Quão arrependido ficarei por não ser um fã ainda?”. A resposta foi: muito!

Primeiro, porque o carisma do vocalista Damian Kulash te pega desde a primeira música e, se eu já fosse fã, provavelmente surtaria ao vê-lo, assim como as histéricas representantes da “família Ok Go” que estavam do meu lado. E também porque o grupo faz todas aquelas coisas legais que você espera que uma banda (que você goste) faça num show: teve convite pra subir ao palco pra tocar guitarra (Here it Goes Again), música tocada no meio do público (Last Leaf), b-side – improvisada de última hora – para atender pedido do público (It’s Tough to Have a Crush…), performance com jaquetas de LED (Diodo Emissor de Luz) e guitarras peludas que soltavam raio laser… Tá, talvez você nunca quis que uma banda fizesse isso, mas deveria!

Foto: Luis Coutinho

Aliás, é impossível falar do show sem lembrar de pirotecnia. Quase toda música teve algum elemento visual ou instrumental que fazia a diferença. E já dava para deduzir que seria assim desde antes do show, devido ao verdadeiro arsenal de instrumentos que ocupavam o palco, incluindo até uma mesa com sinos (usada numa performance a capella de What to Do). Só a chuva de papel picado foi meio redundante. Se ela já não tinha mais tanto impacto na segunda vez, depois da quinta vez então…

Como lembrança ruim fica o atraso do show, que estava programado pra começar 23h30, e começou pouco mais de uma hora depois. Mas a melhor lembrança é, com certeza, o final com a ótima This too Shall Pass (que teve Damian mais uma vez indo pro meio do público com direito a todo mundo fazendo coro) e o encore com as tais guitarras peludas.

Se antes do show quase todas as pessoas que eu chamei para ir comigo disseram “Ah, é aquela banda dos clipes legais?”, depois do show estava provado – pelo menos pra mim – o Ok Go é muito mais do que isso.

Foto: Luis Coutinho***

Nesta segunda (20), a banda lançou novo clipe no programa The Ellen DeGeneres Show, da Warner americana.

Mais um para o hall da criatividade: Ok Go – White Knuckles
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=nHlJODYBLKs&feature=player_embedded]

[Atualização às 12h28]

Leia mais

Restart emplaca 5 prêmios no VMB; vamos xingar muito no Twitter?

A família Restart mostrou união e, ao invés de xingar muito no Twitter e achar que isso é uma puta falta de sacanagem, resolveu votar à favor da banda para arrebatar cinco prêmios – inclusive de hit e artista do ano – do VMB (Video Music Brasil), entregue nesta noite de quinta-feira (16), no Credicard Hall, em São Paulo. Desde 1995, a MTV premia os melhores do ano em 16 categorias.

Antes da revelação de cada vencedor, Marcelo Adnet, Dani Calabresa e o time do Comédia MTV fez funcionar – com ritmo e bom humor – esquetes com paródias de Faustão, Luciana Gimenez, Joel Santana (como alguém que só sabe falar inglês), Raul Gil (ao lado do próprio), Pânico na TV!, e até mesmo o candidato de Marcelo Adnet, do Partido da Sinceridade – aquele que te rouba e você esquece.

Momento confusão remember da noite vai para Sabrina Parlatore e Thunderbird. Eles apresentaram prêmio surpresa, por conta dos 20 anos, intitulado “Melhores Momentos da MTV”. Entre os indicados: Marcos Mion, no Piores Clipes do Mundo; Fernanda Lima, no Fica Comigo; Massari, no Lado B; Cazé, no Teleguiado; Adnet, nos 15 Minutos.

Era na verdade uma brincadeira – ou confusão?, quando foram surpreendidos que o vencedor seria Bento Ribeiro, que se levantou da plateia e chegou dizendo que estava há 20 horas “enchendo a cara”.  Espectadores ficaram sem entender, e no momento seguinte, estava Raimundos (nova geração? Ou era um Jam Band?) cantando um pout-pourri de Zóio de Lula com Mulher de fases. Outra bagunça!

No intervalos, artistas da música fizeram as vezes de apresentadores da emissora: Sandy e Mallu Magalhães – com violão a tira colo – parodiaram como se estivessem no programa ‘15 minutos’. Ratinho substituiu a apresentadora do Top10. NX Zero improvisou como no 5ª Categoria, dizendo o que não se deve falar ao receber o prêmio: “Obrigado ao Sílvio Santos e o SBT por este prêmio”, brincou Gê, o guitarrista. Nelson Rubens foi Didiabólico. O todo dançante Rodrigo Faro esteve à frente do DePrê Show; Preta Gil e Felipe Netto no Furo MTV; Show Milionário (parodiando Show do Milhão) com Marco Luque, do CQC. Jucka Kfouri e Trajano no Top Top.

Pela primeira vez em 20 anos, uma apresentação aconteceu do lado de fora do evento: primeiro show da noite foi da família banda Restart, com o single homônimo “Recomeçar”. 3OH3! fez uma ponta apresentando Fresno, que cantou  a introdução de “Redenção” com “Deixa o Tempo”. Palmirinha e os Colírios chamaram: Capital inicial, que tocou “Depois da meia-noite”. Charles Henrique (pedia) e Sabrina Satto, ao lado de Adnet – regado a muitos Antonio Nunes – chamaram Otto, interpretando Crua. Cazé e Marina Person vieram para chamar o Ok Go, quarteto americano, que encerrou os shows da noite com This Too Shall Pass. Na volta do intervalo, Adnet se juntou à Valesca Popozuda e um time de marmanjos para fazer um megafunk de encerramento.

***

Atenção nesta sexta-feira (17) tem reprises do VMB às 15h00 e 23h00

Confira a lista de vencedores:

Show do ano: Nx Zero
Aposta: Thiago Petit
Artista internacional: Justin Bieber (Mini Lady Gaga, num momento Kanye West, pegou  cachorro de ouro das mãos de Adnet).
Revelação: Restart
Game: Super Mario Galaxy 2
Clipe do ano: Restart – Recomeçar
Webhit: Justin Biba – Paródia Justin Bieber (Música Baby)
Pop: Restart
MPB: Diogo Nogueira
Webstar: Felipe Neto
Aposta internacional: School of Seven Bells
Música eletrônica: Boss in Drama
Hit do ano: Restart – “Levo Comigo”
Rock: Pitty
Rap: MV Bill
Artista do ano: Restart

***

Confira o melhor do Twitter, separado pela Adriana (@dricka), que estreia aqui!

***

***

***

***

***

***

***

***

***

***

***

***

***

***

E vocês, curtiram os vencedores? Comentaí, galera!

Leia mais

5 clipes para você amar o OK Go, que chega hoje ao Brasil

Descolados e animados, o quarteto norte-americano OK Go ficou conhecido pelos clipes diferentes e que viraram hit na Web, a exemplo de “Here It Goes Again” (abaixo), de 2006. Na noite desta quinta-feira (16), eles aportam no Brasil para uma apresentação no VMB 2010 (Video Music Brasil) – premiação dos melhores do ano segundo a MTV – e para dois shows nas capitais paulista (nesta sexta, 17, no Estúdio Emme) e catarinense (sábado, 18, na Sociedade Hebraica ).

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=XJulhGUh8vU]

Rezamos para que as apresentações sejam tão boas quanto os clipes. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, disseram que a performance no VMB será grande surpresa, mas que ainda não tinham acertado. Porém, nos palcos, devem desbravar o mais recente CD: “Of the Blue Colour of the Sky”, lançado em janeiro.

End Love
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=V2fpgpanZAw]

This Too Shall Pass
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=UJKythlXAIY]

WTF?
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=12zJw9varYE]

“Do What You Want” (wallpaper version)
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=AoezI9bh3MM]

***

AGENDA DOS CARAS:

VMB 2010
QUINTA-FEIRA, dia 16

às 22h na MTV Brasil
CLASSIFICAÇÃO livre

SHOW EM SÃO PAULO
SEXTA-FEIRA, dia 17

às 23h30, no Estúdio Emme (Av. Pedroso de Morais, 1036, Pinheiros)
R$ 60, CLASSIFICAÇÃO 18 anos

SHOW DE PORTO ALEGRE
SÁBADO, dia 18

às 23h na Sociedade Hebraica (João Telles, 508, Bom Fim)
R$ 50, CLASSIFICAÇÃO não divulgada

Leia mais

Pegação define novo clipe do Maroon 5: 'Give a Little More'

Give a Little More, segundo single do terceiro álbum do Maroon 5 – intitulado Hands All Over – tem clima festivo, fotografia retrô e, claro, muita sensualidade. Mas uma coisa que eles não esqueceram foi fingir que tocam ao vivo no clipe – fórmula já utilizada em vídeos anteriores (uma marca?):

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=BP1PsqBmbvM]

O novo álbum, previsto para ser lançado este mês, foi gravado à beira do Lago Genebra, na Suíça. A banda saiu de Los Angeles, EUA, para trabalhar com Robert “Mutt” Lange, o cara por trás de hits como Back in Black, do AC/DC, e Hysteria, do Def Leppard. O álbum promete ser pop, mas com algo mais pegajoso, como o funk-rock Misery, single de lançamento:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=6g6g2mvItp4]

Essas são as músicas do álbum: Misery, Give A Little More, Stutter, Don’t Know Nothing, Never Gonna Leave This Bed, I Can’t Lie, Hands All Over, How, Get Back In My Life, Just A Feeling, Runaway e Out Of Goodbyes (dueto com Lady Antebellum). A versão de luxo vem ainda com: Last Chance, No Curtain Call, Never Gonna Leave This Bed (acústica), Misery (acústica) e I Ain’t Got You (ao vivo).

***

Encube-os: Site oficial | Twitter | Canal de vídeos

Leia mais

Kings of Leon volta 'radioativo' com novos clipe e música

Caiu na rede o single de volta do Kings Of Leon: ‘Radioactive’, depois da estreia nas rádios britânicas na manhã desta terça (8). O clipe tem um clima brasuca, pois envolve dia ensolarado, futebol e cerveja. Dá uma olhada:

A primeira música a ser retirada do quinto álbum ‘Come Around Sundown’ – numa tradução superlivre: chega mais pôr-do-sol, foi postada junto com um vídeo no site oficial: kingsofleon.com.

O novo álbum será lançado em 18 de outubro (uma semana pós-SWU Brasil) e a segunda parte da turnê, que inclui América Latina, termina em dezembro. Essa é a seleção de músicas que entrará no CD: The End; Radioactive; Pyro; Mary; The Face; The Immortals; Back Down South; Beach Side; No Money; Pony Up; Birthday; Mi Amigo e Pickup Truck. ‘Come Around Sundown’ foi gravado em Nova Iorque nos estúdios Avatar e produzido por Angelo Petraglia (que há anos trabalha com a banda) e Jacquire King (produziu o último de Norah Jones).

Veja o que a banda falou sobre o single de estreia:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=EncWEAzYzVM]

Encube-os: Site oficial | Twitter | YouTube.

Leia mais

Multishow escolhe melhores da música; nós, os comentários

O 17º Prêmio Multishow de Música Brasileira reuniu, na noite desta terça-feira (24) no Rio de Janeiro, os ‘melhores’ da música na opinião de internautas – foram aproximadamente 30 milhões de votos.

Com 13 categorias, abaixo os vencedores, a premiação foi comandada por Fernanda Torres e Bruno Mazzeo – além de outros apresentadores e participantes dos reality shows do canal pago. Contou com apresentações de Claudia Leitte com Victor & Leo, Caetano Veloso e Maria Gadu, Cine e Lu Alone, Empolga às 9 e Bombay Bicicle Club, entre outros.

VENCEDORES


MELHOR ÁLBUM –
“Maria Gadu”, Maria Gadu
ARTISTA SERTANEJO – Victor & Leo
MELHOR CANTOR – Samuel Rosa
MELHOR INSTRUMENTISTA – Rodrigo Tavares (Fresno)
MELHOR MÚSICA – “Recomeçar”, Restart
TVZÉ – As máscaras”, Claudia Leitte – Thiago Cardoso
REVELAÇÃO – Luan Santana
EXPERIMENTE – Móveis Coloniais de Acaju
MELHOR SHOW – Ivete Sangalo
MELHOR DVD – “Chiaroscope”, Pitty (dirigido por Ricardo Spencer)
MELHOR CLIPE – “Espero a minha vez”, NXZero
MELHOR CANTORA – Ana Carolina
MELHOR GRUPO – Banda Cine

[Veja mais fotos do Prêmio Multishow]

___

Separamos alguns tweets, que contam como o assunto foi movimentado no Twitter. Até o apresentador Bruno Mazzeo (@bmazzeo) falou que a hashtag #premiomultishow entrou no Trending Topic mundial (dez assuntos mais comentados do mundo na rede social):

***
******(Porque ele pediu para plateia se calar, enquanto lia um SMS da cantora)
Não entendeu? Saiba o porquê… Ou procure no Google: “I’ma Let You Finish

***
***
***
***
***
***

***
***

***

***

***

___

Com o recorte das imagens do Twitter, colaborou Danilo Canguçu.

Leia mais

As 50 melhores bandas internacionais de 2010 até agora

A Revista NME divulgou nesta quarta (18) quais seriam as 50 melhores bandas internacionais de 2010 (pelo menos até agora) – na opinião do time que produz a publicação. Dentre todas, uma já é conhecida nossa, Hurts – que ficou na 14ª colocação. (Confira a relação completa!)

Reunimos as cinco melhores bandas, que segundo eles, são as melhores. Abaixo, nossa tradução dos comentários feitos sobre cada. Alguns nomes não são tão novos assim…. Por cima, a gente já gosta de Delphic, Marina and The Diamonds, The Drums… Enfim, segura aí:

#5. The Smith Westerns, de Chicago


Faixa essencial: ‘Be My Girl’

O álbum de lançamento é uma brincadeira com voz rouca, desinibida, um registro que é explorado com a energia de quem pretende deixar a rebeldia de lado.


#4. Sleigh Bells, da California

Faixa essencial: ‘Crown On The Ground’ – Download

</code>http://www.aoscubos.com/downloads/Sleigh%20Bells%20-%20Crown%20on%20the%20Ground.mp3<code>

Inteligentes, sabem fazer um som que proporciona, ao mesmo tempo, prazer potente e simplicidade.

#3. Wu Lyf, de Manchester

Faixa essencial: ‘Heavy Pop’ – Download

(Um som) de confronto, para machucar e marcado por um só acorde repetitivo.


#2. The Drums, do Brooklyn (Nova Iorque)

Faixa essencial: ‘Let’s Go Surfing’

Perfeito. Quase faz você sentir vergonha pelos outros.

#1. Best Coast, de Los Angeles

Faixa essencial: Essa, do clipe que você acabou de assistir

Viciados por gatos (por conta de uma entrevista ao portal da NME), ressuscitando a arte de fazer nada para uma nova geração.

Quer ouvir todas as bandas? Só dar o play!
[soundcloud width=”350″ height=”350″ params=”player_type=artwork&color=#000″ url=”http://soundcloud.com/tim_chester/sets/50-best-new-bands-of-2010″]

*Colaborou Raíssa Melzer

Leia mais

Elegante e monocromático, Hurts é eletrônico para viver no repeat

Theo Hutchcraft e Adam Anderson formam duo electro de música Anos 80

“Don’t let go / Never give up, it’s such a wonderful life.” (Wonderful Life)

O ar europeu entrega os caras por detrás do Hurts: Theo Hutchcraft (vocal) e Adam Anderson (teclados) – tidos pela BBC como ‘som próspero‘ para 2010 – são britânicos, de Manchester. O estilo musical da dupla carrega referências dos anos 80, como ‘Tears For Fears’, ‘Smiths’ e também ‘Pet Shop Boys’ – tecladinho eletrônico retrô e letras emocionalmente sinceras. O refrão acima, de Wonderful Life, é o próximo single e début de Hurts nas paradas de sucesso.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=N6wEh19B_C0]

“And you see nothing but the red lights / You let your body burn like never before.” (Better Than Love)

Com lançamento previsto para o início de setembro, o CD de estreia Hapiness conta com participação da estrela pop Kylie Minogue (na música ‘Devotion’). Pelas críticas, o CD vai ser daqueles que, daqui dez anos, a gente ainda vai estar escutando.

Apesar de vários clipes publicados no canal de vídeos da banda, incluindo a primeira versão de Wonderful Life, Better Than Love é o único single lançado.

Ao se registrar no site da banda, você recebe uma cópia digital da música “Better Than Love” – veja o vídeo.

Quer mais? Assista também Blood, Tears & Gold e “Pellerin“.

Encube-os: MySpace, Facebook, Twitter, informationhurts.com (disponível em português) e YouTube.


PS = Banda indicada pela @taft.

Leia mais

Copa do mundo termina, ficam as músicas

Termina a Copa do Mundo na África do Sul – Holanda e Espanha se enfrentam na final. E você está enganado se acha que o único barulho que você vai lembrar dessa Copa é o das ensurdecedoras vuvuzelas (incorporadas no YouTube) ou as variadas entonações para a engraçada ‘Jabulaaaaaaani’, gravada por Cid Moreira (popularizada pelo programa Central da Copa, da Rede Globo).

Apesar de ter uma trilha oficial – acredite que uma de Claudia Leitte está entre elas, inegavelmente, duas fizeram mais sucesso: vai dizer que você não ficou com aquele refrão de ‘Waka Waka’ da Shakira? Ou cantarola, de vez em quando, o tema da Coca-cola do início de ‘Wavin’ Flag’, do K’naan?

As versões pra sacodir a bandeira foram gravadas em diferentes idiomas: húngaro, chinês, árabe, grego, indiano, entre outros. Por isso vamos destrinchá-las. Se prepara porque Skank com o canadense na brasileira ‘Comemorar’ é a mais ‘normal’. Ouviu a versão sertaneja de Jorge e Matheus: ‘O Brasil Inteiro Vai Comemorar’? Me-do!

A versão húngara tem repórteres e âncoras da TV pública (Magyar Televízió) – “Nálunk van a labda”, que significa: ‘Nós temos a bola’:

A indiana é interpretada por Justin Timberlake Jasim:

Tem também a árabe, por Nancy Ajram:

http://www.youtube.com/watch?v=S30sqm2gw4Q

Chinesa, de Jacky Cheung & Jane Zhang:

http://www.youtube.com/watch?v=ruK4I8YxDCM

Versão francesa, pelo rapper Fefé:

http://www.youtube.com/watch?v=qlE7m0ADsss

Da Grécia: Professional Sinnerz com Komis:

Haiti: Mikaben

http://www.youtube.com/watch?v=TIiWKTrgtg8

Indonésia – “Espírito de voar”

http://www.youtube.com/watch?v=VGB3gsI-A8Y

Tailândia: Tatoo Color nos vocais:

A gente chegou a uma conclusão: a música oficial Wavin’ Flag serve pra qualquer sentimento ou ocasião. Vai desde a propaganda da Coca-cola daquele refrigerante de rótulo vermelho até ajudar vítimas de uma catástrofe natural, como o ‘Young Artists For Haiti’:

Leia mais

Glastonbury dos ‘covers’ memoráveis e parceria

Foto: Glastonbury Festival (www.glastonburyfestivals.co.uk)

O maior evento musical a céu aberto do mundo, o Glastonbury, terminou no último domingo (27). Achamos um post bem bacana no site da New Music Express (NME) falando de alguns ‘covers’ e parcerias que ocorreram durante o festival, que rolou na cidade de Pilton (Inglaterra), e aí vai a tradução:

“Foram os momentos mais emocionantes da festa, que fechou sua edição de número 40”, escreveu o jornalista Luke Lewis, que cobre o festival para site da revista inglesa NME. O momento mais ‘WTF’, com o perdão da palavra – grifo nosso, ‘Que porra é essa?’ foi pra Shakira e sua versão de ‘Islands’, do The XX.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=YtCsM9SeKP4]

O U2 teve de ser substituído pelo Gorillaz por problemas de saúde envolvendo o vocalista Bono. Mas no show do Muse, o guitarrista The Edge fez ponta no cover de ‘Where The Streets Have No Name’.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=GUkw8sJoY7k]

Keane também pagou homenagem, cover de ‘With Or Without You’.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=BClAvTosFSo]

Florence And The Machine mandou ver no cover de ‘The Chain’, do Fleetwood Mac (banda britânica de rock dos anos 1960)

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=iGr6mkzTSLQ]

Pet Shop Boys reescreveu ‘Viva La Vida’, do Coldplay, e propôs uma versão eletrônica (oi?). [Como retiraram o vídeo que publicamos, mostramos a mesma versão, mas num show no London O2 Arena]

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=uXRse–ysXk]

Não achamos vídeo do Glasto, mas La Roux fez – como na sua turnê – cover de ‘Under My Thumb’, dos Rolling Stones. E Rolf Harris de ‘Stairway To Heaven’, mas pelo que se sabe, este último faz esse cover há quase duas décadas. Por isso, catamos o vídeo de 2009:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Drb2E-2hArI]

Por fim, a parceria do Scissor Sister com Kylie Minogue para ‘Any Which Way’:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=NnGNQ8DAGrE]

*atualizado em 07/07/2010

Leia mais