Quando um brasileiro Single Parents se encontrou com o Yuck

DA REDAÇÃO, especial para o aos cubos
Fernando Dotta, vocalista do Single Parents

Conheci o Yuck em março desse ano, no período de gravação do álbum do Single Parents. Vi que muitos estavam comentando sobre o clipe de Get Away e, quando assisti, achei bem bom. Mas deixei de lado. Depois que finalizamos as gravações dos instrumentos e a cara do álbum já estava definida, fui ouvir outras bandas para relaxar um pouco, baixei o álbum Yuck, escutei com calma e gostei de muita coisa ali, principalmente os timbres das guitarras.

Em abril, consegui numas milhagens sofridas ir para Nova Iorque gravar vozes na casa do nosso produtor Roger Paul Mason (que mora no Brooklyn) e tive a chance de ver o show do Sebadoh. Lá encontrei o grande Marcelo Costa (Scream & Yell) e trombei com o Jonny e o Daniel (Yuck). Conversamos por um tempo e conversamos sobre a turnê intensa deles pelos EUA e Europa e comentei que alguns dias depois eu os veria em Los Angeles em duas datas seguidas. No fim desse show, os caras estavam ajudando Lou Barlow na venda de CDs e camisetas numa banquinha montada.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=3HfHGURWVnU]

Nos dois shows de L.A., conversei mais um tempo com o Jonny (baterista) sobre possíveis shows no Brasil e nosso interesse em tocar com eles. Entreguei aos 4 integrantes da banda uma demo do Single Parents com 3 músicas pré-mixadas, que estarão no nosso álbum e peguei contato dos caras. Os shows foram excelentes e o público gostou bastante. Comprei camiseta, vinil, cd e 7” do single Georgia.

No show do Puma Social vi a passagem de som do Yuck e conversamos por um tempo sobre finalmente estarem no país e que a próxima passagem deve ser melhor planejada e mais longa. Fiquei feliz que a banda elogiou nosso trabalho, gostaram dos novos sons, ficaram com uma camiseta do Single Parents. Depois dos belos shows do Transmission e do Yuck, levamos os caras pra Rua Augusta tomar cachaça (que a noite toda o Jonny chamou de Chewbacca).

Quanto às influencias, ouvimos muitas bandas em comum, Dinosaur Jr., Sonic Youth, My Bloody Valentine, Jesus and Mary Chain, Ride… são grandes referências tanto para o álbum deles quanto ao Single Parents. Estamos ansiosos em mostrar as músicas novas, em breve mostraremos novidades das gravações.

One thought on “Quando um brasileiro Single Parents se encontrou com o Yuck

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *