Jup do Bairro anuncia sequência para “Corpo sem Juízo” dez anos após lançamento

Dez anos depois da sua estreia musical, Jup do Bairro vai lançar um novo single duplo. “Será uma repaginada de ‘Corpo sem Juízo’ e também vou fazer a segunda parte (dele). Ainda não tem (data de lançamento), mas espero que logo menos”, adiantou a cantora em primeira mão. Ainda não há nada certo sobre um disco ou coletânea. Militante LGBT+, a princesinha do Valo Velho (como é conhecida na periferia, como ela conta) é a convidada do podcast Aos Cubos neste 58º episódio.

Leia mais

“Arte de me manter viva”, diz Linn da Quebrada sobre relevância de “Pajubá”

Linn da Quebrada é a convidada do podcast Aos Cubos nessa reta final da segunda temporada. Ela é a atração do programa de número 44, que foi ao ar na última terça-feira (05.12). Para ela, ser artista é criar sobre o seu corpo, sua estética, principalmente para falar abertamente dos seus afetos, desejos, sexualidade e vontades. “Minha arte não  tem a ver com o palco. E não é estar no palco, lançar um disco, que me faz artista. Para mim, a arte que acho mais importante, que mais tem relevancia, é de se manter viva, principalmetne vinda dessas travestis, ouvindo suas histórias, que passam anônimas”. Ao se lançar como cantora, ela conseguiu se organizar no seu caos, já que vinha estudando o corpo como voz, além do teatro, dança e performance. Era uma espécie de magia acontecendo.

Leia mais