“Não sabia se iam achar que estava perdida”, diz Iza sobre pluralidade de novo álbum

Logo após o Rock in Rio 2017, quando subiu ao palco com Cee Lo Green, a cantora Iza viu sua carreira mudar drasticamente. Para o lado positivo, claro. Em poucas semanas, lançou o clipe de “Pesadão”, com Marcelo Falcão (O Rappa), e foi catapultada – em um caminho sem volta – ao estrelato. A cada passo, uma conquista. Recentemente, lançou o clipe de “Ginga”, com participação de Rincon Sapiência, e agora junta todas suas facetas no primeiro álbum “Dona de Mim” (lançado pela Warner Music). A cantora é a convidada do episódio 56, do podcast Aos Cubos, divulgado nesta quarta (09.05).

Leia mais

“As pessoas romantizam as relações abusivas”, afirma Johnny Hooker

Johnny Hooker está prestes a lançar disco ainda sem nome (apesar de na internet já anunciar como “Corpo Fechado”), o que deve acontecer no início da próximo semestre. Com participações de Liniker e Gaby Amarantos, relacionamentos abusivos são a tônica do novo trabalho do cantor recifense. “Quero levantar a bandeira com esse (trabalho) porque as pessoas romantizam as relações abusivas, quero que elas procurem ajuda para renascer, enfrentar as depressões. Enfim, as barras que elas passam na vida. Este disco é sobre renascer, sobre o sol, meu lado mais leonino. É a vontade de renascer e brilhar e sair dali mais fortalecido”.

Ele é o convidado do podcast Aos Cubos neste 22º programa, décimo da segunda temporada, que estreou na terça-feira (06.06), nas plataformas Podcasts, da Apple, e Soundcloud. Ouça:

Liniker e Almério farão shows com Hooker no Rock in Rio na noite de Justin Timberlake e Alicia Keys (17 de setembro). Ele aproveitou a proximidade com a primeira artista para compor uma canção que fala sobre a coragem de amar sem temer (trocadinho que brinca também com o #ForaTemer). “Comecei a observar, nos cinemas, casais gays bem novinhos de mão dada, se beijando (lá no Rio)”, explica sobre esse blues chamado “Flutua” – cujo clipe estreará depois desse “tapa” no RiR. Rainha do tecnobrega, Gaby Amarantos participa em outra faixa com tempero do Pará.

O cantor está no processo de se recuperar da depressão, mas espera que o carinho dos fãs durante a turnê que se aproxima seja força motriz para tirá-lo deste estado. A frase que aprendeu com a avó: “firme e forte feito um touro” está tatuada em seu punho e o ajuda a erguer a cabeça. “Estava sofrendo muito e agora que estou percebendo o que fiz. Às vezes a vida é assim… Apesar de sofrer, fiz o que eu queria”, explica sobre o disco produzido por Leo D, que já trabalhou com Mombojó e Nação Zumbi e no disco anterior de Hooker.

O disco já está gravado, passa por mixagem e masterização, e deve chegar ao público de forma repentina em algum momento do segundo semestre. “Está bem diferente do primeiro, queria trazer para um lugar menos rock ‘n’ roll e agressivo, mas para um lugar do cancioneiro clássico. O primeiro é muito escorpiano, as fases de um relacionamento do luto à superação. Este é mais um renascimento, o que estou passando. Fala tanto do pessoal, como o macro, do momento que o País está passando. Digo que são canções para sobreviver ao fim do mundo”, adianta.

Hooker acredita que a cada dia que passa já deu a hora de subir os créditos, como se fosse o fim de um filme. O disco também reflete o momento que passou há pouco, de enfrentar o fim de um relacionamento que ele taxa como abusivo. “Querer que as pessoas falem sobre isso, denunciem e falem abertamente sobre isso, que não deixem o abusador impune”. Inclusive, o primeiro clipe do disco vai falar exatamente sobre o tema, com divulgação de grupos de ajuda, de incentivar a procura por ajuda, entre outros.

A pergunta mais recorrente que ele tem de responder na vida é se ele já fez macumba para alguém e as pessoas cismam em perguntar sobre Ney Matogrosso, como se fosse alguém íntimo (devido à semelhança entre os estilos). “Deve estar bem, aí, fazendo shows. As pessoas não aceitam que ele não foi uma influência direta do meu trabalho. Claro, ele é incrível e icônico, mas não é (referência). Tá ali no panteão dos ídolos, mas o que sempre ouvi Madonna e minha mãe sempre foi apaixonada por David Bowie, tinha todos os discos e um VHS de Ziggy. E música brasileira, Caetano (Veloso)”. Para ele, Caê é o maior compositor brasileiro vivo.

O cantor ainda fala sobre suas participações em diversos projetos audiovisuais, como o no filme “Berenice Procura”, de Flavia Lacerda, e o programa “Subversão”, com Zelia Duncan, cuja temporada está prevista para 2018.

[hr]

TOP OU FLOP
Neste quadro, a gente apresenta alguns temas variados. Qual sua opinião?

https://goo.gl/fcpoid – As indiretas de Anitta no Twitter deixaram os fãs preocupados. A suspeita é de que a cantora e Maluma tenham se desentendido… O que será que aconteceu? Usar as redes sociais para lavar a roupa suja: top ou flop?

https://goo.gl/4mtfhg – A fotógrafa Laura Sodsworth acaba de lançar o livro “In Manhood: the Bare Reality”, em que explora o conceito da masculinidade. para o projeto, ela fotografou 100 homens e seus pênis. Nudez masculina como tabu: top ou flop?

https://goo.gl/74tiwm – Ariana Grande arrecada mais de r$ 40 milhões com show beneficente em manchester. a renda foi doada para famílias das vítimas e para sobreviventes que sofreram com um ataque terrorista que deixou 22 mortos no início de maio. o show durou três horas e teve participação de Coldplay, Katy Perry, Miley Cyrus, Justin Bieber, Pharrel Williams e mais.

https://goo.gl/G8iZ18 – Ariana Grande ainda rende outro top ou flop: depois de inventar uma nova dupla chamada simone e maraira, a apresentadora do ‘mais você’ atacou novamente. na manhã desta segunda-feira, ela chamou a cantora de  Adriana Grande ao comentar o show #onelovemanchester.

Quer deixar um top ou um flop pra alguma coisa que a gente não perguntou? Comente!

Leia mais

Pela sétima vez no Brasil, Nightwish faz turnê concorrida

Nightwish

Na última vez que os finlandeses do Nightwish vieram ao Brasil em 2012, a holandesa Floor Jansen assumia os vocais da banda numa manobra às pressas depois da demissão da vocalista anterior Anette Olzon. Agora em 2015, o Nightwish volta ao país com um disco que tem Floor como estrela consolidada tanto na tarefa de preencher com competência o posto de vocalista do grupo, quanto no posto de adoração dos fãs.

A turnê do oitavo álbum de estúdio do Nightwish, “Endless Forms Most Beautiful”, passa por 4 cidades brasileiras (Recife, São Paulo, Rio e Porto Alegre) incluindo uma importante apresentação num Rock in Rio mais do que esgotado, acompanhando bandas do calibre de Faith No More, Mastodon e Slipknot.

O show em São Paulo acontece dia 26/09, sábado, no HSBC Brasil (antigo Credicard Hall), e o único setor com ingressos ainda disponíveis é a pista comum, já no segundo lote. Quem quer acompanhar o crescimento de Floor nessa banda que soube como se manter grandiosa aumentando cada vez mais seu número de fãs, não pode perder o show.

Para ingressos e informações sobre o show, clique aqui.

 

Leia mais

INSPIRED: 12 looks para não errar no Rock in Rio

Não quero generalizar, mas levando em consideração a pesquisa que fiz com todas minhas amigas, descobri que há uma certa dificuldade em escolher roupas para eventos legais e várias delas me disseram “Higor, faz um post sobre looks pro Rock in Rio, porque já estou pensando em como ir e não faço ideia do que usar”. Bom, e aqui estou eu sendo um ótimo amigo e fazendo um post para ajuda nacional, vai pro Rock in Rio e não sabe o que vestir? Da uma olhada nos 12 looks que separei para vocês, meninas, se inspirarem. Ah, prometo fazer um pros meninos em breve.

Para ver os detalhes nos looks é só clicarem em cima das fotos ♥

Foto: Polyvore
Foto: Polyvore
Foto: Polyvore
Foto: Polyvore
Foto: Polyvore
Foto: Polyvore

Vale lembrar que é um festival de musica e a coisa mais necessária para se focar é o conforto, então nada de salto muito alto ou roupas hiper justas que você não consiga se mover ok? Sejam estilosas e confortáveis, se vocês tiverem alguma duvida deixem nos comentários que eu respondo tudo.

Leia mais

Ivete Sangalo é confirmada como atração do Rock in Rio Las Vegas

Ivete Sangalo foi mais uma artista brasileira confirmada para se apresentar no Rock in Rio Las Vegas, que acontece em maio, nos Estados Unidos. Outro nome brasileiro é o Sepultura. A cantora baiana se apresenta no dia 15 de maio, no fim de semana pop.

No fim de semana Rock, apresentam-se em 8 de maio: No DoubtManáThe Pretty Reckless e Metallica. No dia seguinte (09.05), estão escalados Linkin ParkRise Against e Hollywood Undead. No Palco Sunset, em 8 de maio, fazem shows: Foster The PeopleGary Clark Jr.BleachersSaints of Valory e Deftones. Dia 9 tem SepulturaCoheed & Cambria e Of Mice & Men.

Em 15 de maio, no fim de semana Pop, Taylor SwiftEd SheeranEchosmithIvete Sangalo e Bruno Mars fazem apresentações. No dia 16 de maio,  Sam Smith e Empire of The Sun. O palco sunset conta com performances de Jessie JCharli XCXTove LoJame Bay e John Legend no dia 15, enquanto Joss StoneMagic! e Mikky Ekko se apresentam no dia 16.

Este ano, o Rock in Rio também terá uma edição brasileira, que já reúne nomes como Katy PerryJohn Legend, A-haQueens of The Stone Age Deftones. O evento acontecerá em setembro na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro.

Leia mais

Em SP, Circuito Banco do Brasil precisa encontrar seu público

Com a segmentação dos festivais cada vez mais latente em São Paulo (Lollapalooza, Z Festival, Pop Festival, Popload, Monsters of Rock, Planeta Terra, ano que vem Tomorrowland etc.), o Circuito Banco do Brasil (CBB) precisa encontrar sua identidade na capital paulista. Apesar de 80% do line-up ser certeiro, a estrutura ainda deixa a desejar no quesito experiência de marca. O festival aconteceu sábado (1), no Campo de Marte, em São Paulo. Segundo a organização, o público final foi de 30 mil pessoas.

Leia mais

Em 2015, Joss Stone fará shows em São Paulo, Brasília e Recife

Joss Stone volta ao Brasil, em março de 2015, para três apresentações. Os shows acontecem no Citibank Hall, em São Paulo, no dia 11; no Net Live Brasília, dia 13, no Distrito Federal; e no Chevrolet Hall, dia 15, em Recife. Os ingressos para a apresentação na capital paulista começam a ser vendidos em 24 de novembro. Para as outras capitais, as informações serão divulgadas em breve.

Leia mais

2º dia do Rock in Rio: os maiores shows alternativos que o Brasil já viu?

Florence1

Quando o Muse veio ao Brasil em 2008 para tocar no Rio e em São Paulo para aproximadamente 5 mil pessoas, parecia surreal a ideia de que em 5 anos eles voltariam como headliners de um festival para 85 mil pessoas. E essa ideia ainda parecia bem surreal pra mim no próprio dia 14, segundo dia do Rock in Rio 2013. Não que a banda não tenha competência pra isso, pelo contrário: o Muse é uma das poucas bandas contemporâneas que enchem facilmente estádios ao redor do mundo. Mas esse sucesso está longe de se repetir no Brasil. É difícil pensar que um festival com exatamente a mesma line-up (30 Seconds to Mars, Florence + the Machine e Muse) venderia metade dos ingressos se fosse feito em São Paulo com outro nome. Por essas e outras foi com imensa surpresa – e provavelmente causando inveja nos organizadores de alguns festivais voltados ao público alternativo que andam mal das pernas – que vimos os 85 mil ingressos do segundo dia do Rock in Rio se evaporando em minutos.

Leia mais

Além do Rock in Rio, Beyoncé faz show em cidades do CE, MG, SP e DF

Divulgação

Beyoncé é a grande atração da noite de estreia do Rock in Rio deste ano, programado para começar em 13 de setembro. Mas além do festival, a cantora – cujo status de mulher do rapper Jay-Z está no título da turnê “Mrs. Carter Show World Tour” – fará apresentações nos estados de Ceará, Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal.

As apresentações brasileiras acontecerão no dia 8 de setembro em Fortaleza, na Arena Castelão; dia 11 em Belo Horizonte, no Estádio do Mineirão ; dia 15 em São Paulo, no Estádio do Morumbi, e no dia 17 de setembro em Brasília, no Estádio Nacional.

A maior polêmica está em torno da não existência de pista comum em Fortaleza. Orkutizaram a área VIP! Por lá, a área próxima ao palco (cerca de 40%), como o nome sugere, foi chamada de frontstage e o restante ficou com pista premium. Aliás, só lá no Ceará que os valores estão certos: R$ 600 (inteira naquele setor colado ao palco), e R$ 80 (meia, cadeiras superiores laterais).

Em São Paulo, os setores e os preços dos ingressos do primeiro lote para o Live Music Rocks com Beyoncé, no Estádio do Morumbi, tem pré-venda nesta quinta-feira (27). Os valores vão de R$ 180 (arquibancadas C e B1) até R$ 630 (pista premium). Os valores para as outras cidades ainda não forma divulgados, mas serão vendidos no site Live Pass.

[alert type=”warning”]*atualizado em 26/06, às 18h[/alert]

Divulgação

[hr]

[list type=”plus”]

Informações sobre a turnê brasileira:

[li]FORTALEZA

Show dia 08 de setembro Local: Arena Castelão

Vendas a partir de 11 de julho, às 00:01h[/li]

[li]BELO HORIZONTE

Show dia 11 de setembro Local: Mineirão

Vendas a partir de 20 de julho, às 00:01h[/li]

[li]SÃO PAULO

Show dia 15 de setembro Local: Estádio do Morumbi

Vendas a partir de 28 de junho, às 23:59h[/li]

[li]BRASÍLIA

Show dia 17 de setembro Local: Estádio Nacional

Vendas a partir de 3 de julho, às 00:01h[/li]
[/list]

Leia mais

Rock in Rio 2011: o estilo de Amy Lee, vocalista do Evanescence

Liderada pela vocalista Amy Lee, a banda Evanescence sobe neste domingo (2) ao palco mundo no Rock in Rio. Com um estilo marcante, inspirado nas mulheres da era vitoriana, Amy definiu seu estilo com corsets, saia de tule e coturno. Meias listradas, vestidos amplos e com bastante recorte e a mistura preferida de cores de quem segue esse estilo rock/gótico: preto e vermelho.

Leia mais